Sem estoque Informe o seu e-mail e o notificaremos assim que o produto chegar em nosso estoque:


Enviar
Out of stock!
Insira seu e-mail para ser informado quando este produto chegar:
Enviar Fechar

Home

Religião - Cristianismo

Dicionários e Compêndios

São João da Cruz de A a Z

Frei Patrício Sciadini

São João Da Cruz De A A Z

Editora: Loyola

 
R$ 38,20
Quantidade
Disponibilidade: Indisponível
Me avise
R$ 38,20 no cartão em até 6x de R$ 6,37 s/ juros

CARTÃO

Dividimos em até 6x

FRETE

Confira nossa política de frete

Produtos Relacionados

Sinopse

"É tempo de místicos e contemplativos. É a realidade do momento. A Igreja nos convida a isto: assumir nossa missão de místicos, saber ver atrás das coisas o sentido mais escondido e mais forte da experiência de Deus. O mistério ao mesmo tempo nos agride e nos seduz e se pode compreendê-lo somente com uma atitude de silêncio e de adoração. A inteligência, diante do mistério, além do qual não lhe resta outra coisa senão prostrar-se como Moisés diante da sarça ardente, deixar que o Senhor nos chame pelo nome e responder com a simples palavra que inunda todos os místicos de todos os tempos: Eis-me aqui! Não se aprende a ser místico em nenhuma escola é um dom que o Senhor nos dá. Na escola podemos nos aproximar da experiência dos místicos e compreender "um não-sei-quê" que emana da vida deles.

O desejo de ser contemplativo está profundamente inserido no coração humano. Sentimos saudades de onde viemos e sem saber buscamos ao Senhor da vida e nele nos percebemos realizados e plenos de vida. A contemplação é dom de Deus a nós cabe, olhando para os místicos, nos abrir ao que Deus quer nos dar, acolher e fazer frutificar. Não podemos ser contemplativos pela força de nossa vontade. Antes de mais nada, devemos operar o resgate das palavras grávidas de sagrado que, por uma mania do homem de hoje, foram transferidas a uso profano e perderam seu verdadeiro sentido de mistério e de transcendência. João da Cruz é místico e contemplativo, ele sabe buscar além das coisas o sentido escondido e, penetrando-o em silenciosa e obscura contemplação, o revela lentamente aos que se colocam nesta viagem maravilhosa.

A vida de João da Cruz é pobre de acontecimentos, é igual à nossa, de pessoa desejosa de Deus que, por amor, percorre caminhos obscuros, mesmo quando a noite nos envolve. Buscar em João da Cruz o "milagroso" seria uma tentativa inútil. Para ele, todos somos chamados a encontrar o Senhor em "atenção amorosa" e Ele nos convida com "toque delicado e mão branda" para que possamos tornar-nos todos chagados de amor."  (Trecho da Introdução)