× About Services Clients Contact
Sem estoque Informe o seu e-mail e o notificaremos assim que o produto chegar em nosso estoque:


Enviar Cancelar
Out of stock!
Insira seu e-mail para ser informado quando este produto chegar:
Enviar Fechar

Introdução ao Cristianismo

Introdução ao Cristianismo
Editora: Loyola
Disponibilidade: Em estoque
R$ 58,50
Qtd:  
  - OU -  

O livro do Papa Bento XVI, escrito ainda no tempo em que era padre, faz algo como uma síntese do Credo. A partir de uma densa compreensão da fé, o leitor percorre artigo por artigo do Credo, adentrando-se, nas verdades do Símbolo Apostólico. A fé é um dom, mas é feita a um ser racional que pede um mínimo de inteligência de quem crê. Este texto abre caminho para a caminhada em meio às difíceis veredas da modernidade iluminista.

Entre as publicações de Joseph Ratzinger (Bento XVI), o livro Introdução ao Cristianismo, escrito em 1968 e publicado em português pela Herder em 1970, teve um eco particular. Reeditado por Edições Loyola, com uma introdução recente feita pelo próprio autor em 2004, traduz um momento brilhante da teologia. Buscava-se, então, em meio a uma riqueza teológica exuberante, elaborar sínteses que fossem bússola para o leitor cristão navegar com tranqüilidade por mares nunca dantes freqüentados. Nelas se apresentava o que havia de novo na teologia que alimentara o Concílio Vaticano II e que se vinha desdobrando nos anos seguintes.

Introdução ao cristianismo manifesta corajoso confronto com o pensamento moderno, não temendo abordar a questão do ateísmo. Esconde a latente percepção de que no fundo de todo cristão dorme um ateu que a qualquer momento pode acordar e fazer perguntas fatais a quem nunca pensou em profundidade sua fé. Além de pretender ser uma antecipação a surtos críticos de uma fé ingênua, pré-moderna, o livro entende também que no coração do ateu se escondem sementes de fé e que a leitura de reflexões teológicas atualizadas e audazes tem calor para fazer germiná-las.

De modo plástico, Ratzinger retomou o conto de S. Kierkegaard: um palhaço de circo, já caracterizado para a representação, prevendo o dramático incêndio na aldeia, corre lá e conclama as pessoas para debelá-lo quanto mais esbravejava, mais as pessoas gargalhavam, admirando-lhe a arte cômica. A linguagem defasada da fé assemelha-se a essa imagem: vestidos com roupas de palhaço, fazemos rir as pessoas em vez de anunciar-lhes a boa-nova de Jesus Cristo. Só uma teologia atualizada evita tal drama, e nessa esteira luminosa veleja com tranqüilidade o cristão do momento presente.

Índice:

Introdução
Capítulo I : Fé no Mundo Hodierno
Capítulo II: Forma eclesial da Fé

Parte I - Deus
Capítulo I : Prolegômenos ao Tema "Deus"
Capítulo II: A Fé em Deus na Bíblia
Capítulo III: O Deus da Fé e o Deus dos Filósofos
Capítulo IV: "Creio em Deus" - Hoje
Capítulo V: Fé no Deus Trino

Parte II - Jesus Cristo
Capítulo I: "Creio em Jesus Cristo, seu Filho Unigênito, Nosso Senhor"
Capítulo II: Desenvolvimento da Fé em Cristo nos Artigos Cristológicos do Símbolo

Parte III - O Espírito e a Igreja
Capítulo I: Unidade Intrínseca dos Últimos Artigos do Símbolo
Capítulo II: Duas questões fundamentais do Artigo sobre o Espírito Santo e sobre a Igreja



Ficha Técnica:

Número de Páginas: 272
Editora: Loyola
Idioma: Português
ISBN: 9788515030941
Dimensões do Livro: 23 x 1 cm.