Sem estoque Informe o seu e-mail e o notificaremos assim que o produto chegar em nosso estoque:


Enviar
Out of stock!
Insira seu e-mail para ser informado quando este produto chegar:
Enviar Fechar

Home

OFERTAS DO NANDO

Até 25%

A Segunda Guerra Fria: Geopolítica e dimensão estratégica dos Estados Unidos

Luiz Alberto Moniz Bandeira

A Segunda Guerra Fria: Geopolítica E Dimensão Estratégica Dos Estados Unidos

Editora: Civilização Brasileira

De R$ 99,90 por:
R$ 83,92
Quantidade
Disponibilidade: Em Estoque
Comprar
R$ 83,92 no cartão em até 6x de R$ 13,99 s/ juros

CARTÃO

Dividimos em até 6x

FRETE

Confira nossa política de frete

Sinopse

Com base nas mais diversas fontes de informação, o renomado cientista político Moniz Bandeira analisa os acontecimentos que desde a dissolução do bloco socialista e a desintegração da União Soviética abalaram os países da Eurásia e ainda convulsionam o Oriente Médio e a África do Norte. Em A segunda Guerra Fria, o autor defende a tese de que os Estados Unidos continuam a implementar a estratégia da full spectrum dominance (dominação de espectro total) contra a presença da Rússia e da China naquelas regiões. “Importante contribuição da obra de Moniz Bandeira é a revelação documentada de que as revoltas da Primavera Árabe não foram nem espontâneas e ainda muito menos democráticas, mas que nelas tiveram papel fundamental os Estados Unidos, na promoção da agitação e da subversão, por meio do envio de armas e de pessoal, direta ou indiretamente, através do Qatar e da Arábia Saudita”, afirma o embaixador Samuel Pinheiro Guimarães, que assina o prefácio do livro. Moniz Bandeira aprofunda, desdobra e atualiza as questões apresentadas em outro livro de sua autoria – Formação do Império Americano (Da guerra contra à Espanha à guerra no Iraque), lançado em 2005. “Em face das revoltas ocorridas na África do Norte e no Oriente Médio a partir de 2010, julguei necessário expandir e atualizar o estudo. Tratei de fazê-lo, entre e março e novembro de 2012, em cima dos acontecimentos, e ainda quando a história fluía, sempre se renovando, passando, como as águas de um rio”, afirma o autor. Considerado o mais importante especialista brasileiro em relações internacionais, Moniz Bandeira faz uma análise da situação do Brasil na conjuntura internacional. Ele fala sobre o surgimento de possíveis obstáculos para a formação de um bloco sul-americano e faz alertas, como a necessidade de deter a evasão de divisas promovida pelos capitais especulativos e a necessidade de o país ter competência militar para se defender e dissuadir.